Justiça manda soltar ex-secretário


Postado em 16/11/2018 às 10:10 por Rinalda Zago


Foto Divulgação

O ex-secretário de Pesca e Agricultura de Laguna Antônio Michel Graboski Laureano teve um pedido de liberdade provisória aceito pela Justiça. A decisão do juiz Renato Bratti, divulgada na noite de quarta-feira, acolheu os argumentos da defesa e do Ministério Público de Santa Catarina. 

A liberdade provisória concedida ao ex-secretário Antônio Michel impõe algumas exigências, como não exercer cargo público, fixar endereço e se apresentar regularmente à Justiça.

Laureano foi preso durante a Operação Seival, deflagrada em 2017. O pai dele, o ex-vereador Antônio César da Silva Laureano (MDB), conhecido como Tono, também foi detido pela mesma operação. O político, que continua preso, teve o mandato cassado no último dia 29 em decisão unânime da Câmara de Vereadores de Laguna.

A Operação Seival, deflagrada em 21 de novembro de 2017 pelo Ministério Público de Santa Catarina e pela Polícia Civil, investiga corrupção, fraudes em licitações e outros crimes contra a administração pública em Laguna. Cinco pessoas foram presas preventivamente à época.

Durante a operação, a Divisão de Crimes Contra o Patrimônio Público (DCCPP) da Deic informou que três obras e um processo seletivo foram fraudados pela organização criminosa investigada.

Fonte:  Diário do Sul

 


Carregando...

www.000webhost.com