Veja como ficará a limpeza da Praia do Mar Grosso durante o Universipraia


Postado em 16/11/2018 às 09:53 por Rinalda Zago


Foto Divulgação

Com a chegada da temporada de verão é constante a realização de eventos em espaços públicos, principalmente na Praia do Mar Grosso. De acordo com o prefeito Mauro Candemil já estão programados 22 grandes shows com contratos firmados para a temporada na cidade.

Porém algumas questões tem levantado questionamento da sociedade civil e instituições quanto aos impactos ambientais resultantes destes eventos, entre eles, o Universipraia que começou nesta quinta-feira (15) e vai até domingo (18).

De acordo com a Fundação Lagunense do Meio Ambiente (Flama) é responsabilidade do organizador do evento a realização da limpeza da praia após o término de cada etapa do evento, além do isolamento e preservação das dunas, monitoramento da área de dunas com vigilantes evitando o pisoteio de pessoas nas mesma durante todo evento, instalar lixeiras coletoras de material reciclado ao longo do evento (a cada 100 metros) e não é permitido o tráfego de automóveis ao longo da praia.

Segundo o organizador do Universipraia, Vitor Amorim, da empresa Voe Ideias, esse ano todo lixo recolhido será separado. “Contratamos uma empresa para realizar a separação e destinação final do lixo. Faremos um relatório ao final do evento discriminando a quantidade de resíduos e por categorias (plástico, papel, vidro e outros), além de informar a destinação final dele”, explicou.

Quanto à logística de limpeza da área onde acontecerá o evento, Amorim informou que uma hora antes da festa e dos jogos acabarem uma equipe de doze pessoas começará a limpeza, finalizando em até duas horas depois do evento acabar.

O decreto municipal de ponto facultativo na sexta-feira (16) não se aplica aos serviços essenciais, como coleta de lixo e limpeza pública.

A Secretaria de Obras intensificará a limpeza das ruas e área de entorno do evento a partir das seis horas da manhã.

O Universipraia

Pelo terceiro ano Laguna será sede do Universipraia, de 15 a 18 de novembro. O evento reúne cerca de seis mil jovens dos três estados do sul do país para os jogos universitários.

De acordo com a Flama, a organizadora do evento obteve a autorização ambiental, que recebeu a vistoria técnica da fiscal ambiental após a finalização da estrutura montada na Praça Seival (arena de shows) e na Praça do Vila (arena de jogos).

A empresa já apresentou a autorização ambiental para o serviço de limpeza e higienização de banheiros químicos, pois ela deverá dar a destinação correta dos efluentes gerados durante o evento.

A Flama informa também que deverá ter isolamento entre a areia e os banheiros químicos evitando possível contaminação da areia, com a utilização de tablados.

Quanto aos efluentes sanitários são exigidos:

  • Banheiros químicos: sanitário portátil confeccionado em polietileno

  • Inclusão de papel higiênico

  • Produto Bactericida

  • Sucção diária dos dejetos

  • A empresa responsável pelo banheiro químico deverá dar a destinação correta dos efluentes gerados durante o evento

O descumprimento de qualquer destes itens poderá ser caracterizado como crime ambiental.

Ambos alvarás de funcionamento do bombeiro para as duas arenas também já foram apresentadas.

O prefeito salientou que estes grandes eventos geram empregos e fazem girar a economia do município, por isso é importante que a comunicação esteja alinhada para prevenir qualquer problema. "Importante que todas as entidades estejam trabalhando em conformidade. No ano passado já vimos um grande avanço e neste ano queremos corrigir algumas falhas", salientou Candemil.

Fonte: Prefeitura de Laguna

 


Carregando...

www.000webhost.com